25 janeiro 2017

Resenha: Confissões de uma garota excluída, mal-amada e (um pouco) dramática

Olá, pessoal. Tudo bem com vocês? Bem, a resenha de hoje é sobre um livro da linda e talentosa Thalita Rebouças, esse livro me divertiu muito, porém, acima de tudo ele me ensinou uma lição: devemos sempre nos aceitar como somos, nos abrir ao novo e acreditar que no mundo todo não há ninguém como você, nós somos únicos e especiais da nossa forma. Não importa se somos gordos, magros, de cabelo liso ou cacheado.
O livro se passa no Rio de Janeiro e tem como sua protagonista a excepcional Tetê, a mesma vê sua vida virar do avesso ao ter de se mudar para a casa dos avós com sua família, em Copacabana. Isso ocorre devido ao fato de seu pai ter perdido o emprego e dessa forma teve que vender o antigo apartamento em que moravam na Barra da Tijuca.
A garota tem então de dividir o local com mais cinco parentes, cada um com sua loucura particular e muita confusão. Porém, em meio a todo esse caos, Tetê ainda consegue um pouco de alegria ao cozinhar e se deliciar com o que prepara.
No colégio antigo de Tetê, a mesma sofria bastante bullying e ainda teve um grande amor não correspondido que a deixou bem desiludida. O medo da adolescente é chegar em seu novo colégio, com pessoas que ela nunca viu e sua situação piorar, transformando assim seu ensino médio em um pesadelo. Será que a garota se surpreenderá ao chegar lá ou sua situação piorará?
Ela é uma pessoa simplesmente muito bem humorada, mega divertida... Como alguém pode fazer bullying com ela? Pois é. Mas apesar de todo esse seu jeito carismático e simpático, ela não se considera de todo feliz, porém, cabe só a ela descobrir o seu caminho para a felicidade, que as vezes pode estar mais próximo do que se imagina e nós só precisamos abrir os olhos e encarar o que vem pela frente.
5 estrelinhas para esse livro mega divertido, garanto que vocês irão amá-lo tanto quanto eu.
                                                     
Beijinhos!




29 dezembro 2016

Resenha: A garota do calendário -Fevereiro

Olá, amores! Como vocês estão? Como passaram o Natal? Espero que todos estejam bem.
 Bom, uma das minhas últimas leituras de 2016 (talvez até seja a última, não sei), foi o segundo volume dessa série que eu estou apaixonada: A garota do calendário. Amo muitoooo.



Em fevereiro, Mia Saunders irá para Seattle, passar o mês com o artista francês Alec Dubois. Ela será sua musa, e nesse mês a garota irá aprender muitas lições além de ter maravilhosas experiências sexuais. Alec lhe ensinará muito sobre o amor, sobre a vida e até mesmo a amar a si mesma, ele é um homem fascinante, muito bonito. O francês com toda certeza terá um papel importante na vida de Mia, que como sempre terá que manter seu coração trancado e simplesmente focar na recompensa de seu trabalho para poder então pagar a dívida de seu pai.
Dou 5 estrelinhas para esse livro maravilhoso, eu aposto que se vocês gostaram do primeiro volume vocês não irão se desapontar com o segundo. Eu já estou mega ansiosa para ler a continuação (e olha que livros para eu ler aqui em casa não faltam).
Enfim, espero que tenham gostado!
                                                             
                                                                      
Beijinhos, Gaby.

12 dezembro 2016

Resenha: Um ano inesquecível

Olá, galerinha! Como vocês estão? Desculpem o sumiço, agora estou de férias e trarei posts bem bacanas para vocês, hihi.
A resenha de hoje é sobre um livro muito amorzinho que li esse ano, de quatro autoras muito divas: Paula Pimenta, Bruna Vieira, Babi Dewet e Thalita Rebouças, Um ano inesquecível.

Quatro estações do ano e quatro momentos inesquecíveis da juventude, que dizem por aí que é a melhor época de nossa vida, não é mesmo?
Na história de inverno da nossa querida Paula Pimenta, vocês irão conhecer a Mabel, ela vai contrariada fazer uma viagem com seus pais para o Chile, porém, no final das contas sua viagem sai bem melhor do que o esperado, em meio a esquis e cachecóis, ela conhece Benjamín, um rapaz lindo e encantador. Será que Mabel viverá um romance de inverno?
Logo em seguida, temos a história de Outono da linda da Babi Dewet, essa história realmente tem um lugarzinho especial no meu coração de tão linda que ela é, gente. Nesse outono decisivo, vocês conhecerão o João Paulo e a Anna Julia (não venham cantar "Ô Anna Juliaaaaaaaaa" perto dela que ela fica bem irritada. de verdade. Hahaha). Ele é músico e toca seu violão e canta com sua voz incrivelmente linda para quem quiser ouvir e deixar-lhe algum dinheiro, todos os dias em frente ao MASP (Museu de Arte de São Paulo). Ela está no último ano do colégio, faz estágio no escritório de um amigo de seu pai (que por acaso era perto do MASP) e é viciada em podcasts. Poderia a música unir os dois de alguma forma?
A próxima história se passa na estação das flores, primavera, e sua autora é a fofíssima Bruna Vieira. Na história de Jasmine, sim, nome inspirado na flor jasmim, mesmo que a dona não curta muito isso, você irá acompanhar um romance que desabrochará em meio as flores da estação e a aulas de reforço de matemática, pode isso? Pode sim! O professor de matemática da garota tem um imprevisto e pede para Davi, seu aluno que está cursando o 2º período de Engenharia, assumir as aulas de reforço de Jasmine. Ah, a matemática das flores... 🌸💕
A última história do livro é a do verão, sua autora é a maravilhosa Thalita Rebouças. Inha irá viver um intenso amor de carnaval. Ela e suas duas amigas Tati e Kaká, vão assistir aos desfiles da Sapucaí com direito a camarote e tudo, poderosas mesmo! Indo para lá elas esperam que Inha tire o seu ex namorado Alex da cabeça porque já era pra ela ter saído dessa há tempos. Por meio de um acidente com gelo, refrigerante e petiscos, ela acaba conhecendo Humberto, a loira que nem estava afim de ter ido, acaba tendo uma agradável companhia naquela noite de carnaval. Guima, como gostava de ser chamado, é super simpático além de charmoso. Estaria Inha pronta pra um amor de carnaval?

Pessoal, espero que vocês tenham gostado da resenha e continuem acompanhando o blog. Ah, minha classificação para esse livro é de 5 estrelinhas porque amei demais.

                                                  Beijinhos!